6 de dezembro de 2012

Não desta vez... ainda

Share it Please
Agência em que me inscrevi
Mais uma dinâmica de grupo, mais um dia de atividades, dicussões e tarefas e depois aquela ansiedade apertando o peito. Será que passei?
 
Pois é, desta vez ainda não. Como eu já havia comentado, quero mudar de vida; quero crescer e ter uma carreira digna. Quero trabalhar num ambiente saudável, com desafios e correria, sim... mas onde as pessoas se respeitam e onde há possibilidade de crescer. Mas a cultura do trabalho no Brasil ainda é deficitária, ainda há muito local aqui que acredita que o papel do chefe é aterrorizar seus funcionários para que eles entrem nos eixos. E nem toda pessoa tem perfil para ser chefe... pois para ser chefe é preciso antes ser líder! E liderar não é sinonimo de mandar, liderar é ouvir, conciliar, trabalhar, dar duro, driblar dificuldades e motivar a equipe. Uma equipe desanimada e insatisfeita não consegue ser produtiva.
 
Então há pouco tempo comecei a me inscrever nos processos de trainee. Sei que deveria ter começado a procura antes, mas estava acomodada... estava um pouco receosa. Não sabia se teria chances... mas e que chances eu poderia ter sem tentar??? Então tentei.Me inscrevi em alguns processos, passei pelas primeiras fases e fui seguindo caminho... dinâmicas de grupo, testes de raciocínio lógico, inglês e outros, inúmeras conversas com os departamentos de RH e até com gestores das empresas pretendidas.

Trainee...
E até agora... nada! Cheguei bem perto, mas não pude comemorar ainda. Mas não posso nem dizer que saí de mãos abanando... porque aprendi muito. Conheci locais incríveis nos quais eu realmente gostaria de trabalhar. Há o desafio, o stress e a correria de uma empresa normal... mas há também o respeito e a possibilidade de desenvolver uma carreira promissora. Possibilidade de crescer!

As dinâmicas que participei foram instigantes. Havia um medo, uma animação e força de vontade, tudo junto. Torci por algumas pessoas, vi muita gente qualificada e capaz e também escutei que meu nome não estava entre o dos escolhidos. Nos separaram em dois grupos. Ouvi um nome ser chamado, o segundo e lembro de pensar "Se meu nome não estiver entre o deles... sei que já era". E assim foi.

Fiquei triste, no ônibus de volta para casa quis até chorar. Não consegui. Não sei por que. Queria muito a vaga... mas apesar de estar triste, sentindo-me um pouquinho fracassada... não conseguia parar de pensar que então meu caminho é outro e que estou mais perto de chegar lá. Claro que no momento estou com medo... medo de que nada dê certo na minha vida, medo de nunca saber exatamente o que fazer ou como fazer.

Depois outra resposta negativa e eu já não era tão forte. Aí chorei um pouco e me permiti soltar a frustração mantida aqui dentro em relação a ambos os processos. Fiquei bem, sei que sim. As vezes é bom soltar um pouco, respirar fundo, sorrir e continuar lutando. Com espírito renovado.

 

6 comentários:

  1. Já me vi nesta situação, igualzinha...mas depois eu consegui o que eu queria e penso que nada acontece quando não tem que ser...o seu lugar está te esperando e vc está se preparando para ele, de um jeito ou de outro! Acredite! Bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Eliana! Obrigada por compartilhar que você também viveu algo assim... eu tenho medo de nadar nadar e morrer na praia, sabe? E saber que alguém a quem admiro também já se sentiu como eu... me anima!
      Obrigada!!!!

      Excluir
  2. Oi...Nossa já passei por esta sensação e ainda passo...Acho que este sentimento é normal.. Mas vc está no caminho certo em busca da sua oportunidade, do seu caminho. Continue tentando, de braços cruzados nada muda. Eu ouvi uma frase que nunca mais esqueci," a vida acontece do lado de fora", cada vez que vc sai da sua zona de conforto e vai a luta, você esta aumentando suas chances de ser feliz, de superar...Parabéns, um dia vc vai bater na porta certa e trilhar feliz rumo ao sucesso...bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada pelo comentário e pela força! Sei que vou continuar lutando... mesmo quando estiver desanimada, tenho que ter força para levantar a cabeça né? E buscar o "lado de fora" ... ;)

      Excluir
  3. Eu costumo dizer uma coisa que provavelmente você já ouviu: TUDO ACONTECE NA HORA CERTA.
    É dificil a gente "deixar rolar" e esperar o momento acontecer.
    Mas acho que o mais importante você já fez, CORRER ATRAS. Você tá correndo atras do que você quer, você já decidiu que quer mudar de vida e isso é o principal, o fator mais importante (eu acho). Tenha fé e acredite no que você quer porque pensamento positivo só atrai coisas boas.
    Tenho certeza que tem muita coisa boa vindo por aí pra você. Porque você merece.

    ResponderExcluir
  4. Nadja ja senti a mesma coisa algumas vezes,ainda mais quando sabemos que demos o nosso melhor e que tinhamos grandes chances,mas nao fica assim,como voce disse voce nao tinha tentado antes e agora voce tentou e ja sabe como 'e,tera proximas vezes e isso serviu de experiencia para os proximos desafios,eu vejo em voce uma pessoa determinada em conquistar aquilo que deseja e se voce esta lutando por isso 'e uma questao de tempo a recompensa chegar,nenhum esforco 'e em vao.
    Bjs querida :***

    ResponderExcluir

Procurando uma esmeralda? Que tal aqui?

Designed By Yasmin Mello | 365 dias